Organização

Falta de tempo? Veja como incluir na agenda suas aulas de direção

Todo início de ano parece ser uma ótima oportunidade para refazer promessas que não conseguimos cumprir nos 12 meses anteriores, certo? Finalmente se inscrever na auto-escola ou tentar mais uma vez passar no teste de direção? Seja qual for seu grande desejo para 2018, é provável que sua lista de promessas também inclua dedicação maior aos estudos ou à carreira, melhores cuidados com a saúde e com o dinheiro, mais encontros com os amigos ou família. Aí, você olha para a agenda já tomada de compromissos no início do ano e pensa: “Eu não tenho tempo para fazer o que é importante para mim!”.

Se a falta de tempo parece ser seu problema, está na hora de refletir: o que você está priorizando na sua vida? “As pessoas querem tudo ao mesmo tempo e isso não é possível, a menos que você seja dotada de superpoderes para conseguir dar conta”, comenta, em tom de brincadeira, Mileine Vargas, trainer em PNL (programação neuro-linguística) e hipnóloga.

Por isso, é fundamental entender suas motivações: o que você vai ganhar se conseguir se dedicar ao que realmente quer? No caso da carteira de motorista, Mileine exemplifica: “Qual é a relevância de tirar minha CNH? Vou ganhar liberdade? A possibilidade de levar meus filhos ao colégio? Encontrar minhas amigas sem depender de ninguém? O que essa conquista vai me trazer?”. Sem refletir sobre isso, é mais difícil colocar esse compromisso na agenda: “A gente só encontra tempo para o que a gente entende que é benéfico para nós”.

E não tem jeito: priorizar uma área significa dizer não para outras. “As pessoas têm dificuldade para dizer não. Existe um apelo para que as pessoas sejam mais colaborativas, mais participativas. Tem uma parte muito boa nisso, porém cada pessoa também tem suas necessidades individuais. Por isso, é importante entender: com base nos seus valores, como você quer construir sua vida para daqui a um tempo? Aí, terá que abrir mão de outras coisas. Não dá para fazer tudo ao mesmo tempo”, reforça Mileine.

Muitas mulheres têm dificuldade para dizer não: se prioriza os estudos ou a carreira, por exemplo, tende a ser chamada de egoísta. “Aí a gente entra em um conflito absurdo, é muito ruim. Por isso é tão importante buscar o que você realmente quer e, a partir daí, aprender a priorizar isso e dizer não para outras coisas”, comenta Mileine, que fala a partir da própria experiência. Depois de anos atuando como diretora em indústria gráfica, ela fez uma mudança de carreira. Para isso, precisou se dedicar muito aos estudos e abrir mão de outras atividades: “No momento de transição, é muito difícil. Até a família julga as nossas escolhas. Mas quando a gente realmente quer algo, precisamos estar dispostas a pagar o preço por isso”. O ideal, em casos assim, é contar com o acompanhamento de um profissional como um coach.

Mesmo com uma vida muito corrida, é possível incluir na rotina as atividades que são importantes para nós. A falta de tempo, como explica Mileine, também é uma desculpa comum que as pessoas usam para não fazer alguma coisa. “A questão da atividade física é o maior exemplo. Por que tem gente com muitos compromissos que consegue colocar o exercício na rotina? É porque elas percebem a relevância daquilo, os benefícios que a atividade traz, sejam estéticos ou de saúde”, exemplifica.

Aproveite o final do ano para abrir a agenda de 2018 e colocar, antes de qualquer outra coisa, as atividades em que você quer focar. Pode ser difícil, mas faça escolhas – sem medo de dizer não e com coragem para deixar de lado temporariamente aquilo que não é o foco do seu ano. Lembre dos benefícios que essa decisão trará a longo prazo e vá em frente. Você já sabe o que vai priorizar neste novo ano? Conte para a gente nos comentários!

  • Organização Organize seu carro para garantir mais segurança e bem-estar

    Saiba mais
  • VIAGENS Primeira viagem longa como motorista? Veja como se planejar

    Saiba mais